Pesquise...

Últimos Posts

Arquivo de Posts

2018 - 2017 - 2016 - 2015 - 2014 - 2013 - 2012

Postagens Populares

Vem Comigo!

     
  •      
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Tecnologia do Blogger.

Total de Acessos


Saudações,

Devido a correria do dia-a-dia, eu não encontrava tempo para instalar a Ubuntu (GNOME) 18.04 no meu desktop.

Como esta semana foi mais tranquila, eu tive tempo de fazer as devidas cópias de segurança e instalar esta nova LTS.

Então, peço sua permissão para mostrar como ficou a minha instalação.

Ubuntu 18.04 com GNOME Shell Vanilla


No meu velho netbook e notebook, ambos 32 bits, e na minha netbox, essa 64 bits, eu uso o Ubuntu MATE. Agora no meu desktop eu não abro mão de usar o GNOME.

Ontem eu instalei o Ubuntu 18.04, testei um pouco, mas confesso: como senti falta da versão vanilla  do GNOME!

Imediatamente instalei o pacote gnome-session e configurei o meu sistema, este ficou assim...


A Top Bar está translucida, o tema das janelas é o Ambiance, e o tema do Shell é o Zukitwo.

Gnome Tweak Tool

Não sei se aconteceu com vocês, mas, quando eu tentei abrir o Centro de Controle do GNOME, surgiu um erro e uma solicitação para enviar um relatório do erro para a equipe do Ubuntu.

Executando o binário gnome-control-center no terminal, eu recebia o seguinte erro:

ERROR:../shell/cc-panel-list.c:926:cc_panel_list_set_active_panel: assertion failed: (data != NULL)
Aborted (core dumped)

Pelo erro eu imaginei ser algo referente a configuração deste programa. E depois de pesquisar na Launchpad, eu tive a confirmação.

Então, para resolver o problema, o que eu fiz foi instalar o dconf-editor e modificar o valor da entrada last-panel do esquema org.gnome.ControlCenter para wifi...

Por padrão estava ubuntu!

Se você não quiser instalar o dconf-editor, não tem problema, abra um terminal e execute:

$gsettings set org.gnome.ControlCenter last-panel wifi


Depois desta alteração o Centro de Controle abriu normalmente! ^_^


Efetuei mais alguma configurações e agora o sistema está como em quero. Dá uma olhada no BOOT e no GNOME Shell...



Paz a todos!